Páginas

Vídeos sobre a Cabala

Loading...

domingo, 25 de outubro de 2009

Uma Viagem Ao Redor Do Mundo Num Oceano De Luz

Publicado em 22 de outubro de 2009, às 14:00, no blog do dr. michael laitman.

Uma pergunta que recebi: Não existe o tempo no mundo espiritual, mas será que nós não devemos agir dentro da estrutura do tempo corporal?

Minha Resposta: Quando nós entramos na percepção do mundo espiritual, nós agimos somente num campo de forças - como num oceano, onde a água nos rodeia por todos os lados. Na realidade, este campo é chamado apenas assim - “água”, visto que é basicamente a Luz de HASSADIM (a Luz da Misericórdia, a “água”), onde a vida, a Luz de Hochma, também está presente.

A Luz HASSADIM preenche tudo consigo. Ela não possui lado direito ou esquerdo, um ápice ou um fundo. Por todo oceano da Luz de HASSADIM, desde o seu centro, círculos se dispersam, os quais são os níveis da Luz Hochma. É como um campo magnético ou elétrico, cuja força muda conforme aumenta a distância a partir do centro.

Quando a pessoa começa a sentir a espiritualidade, ela percebe tudo com sentidos que não possuem qualquer percepção de tempo, movimento, espaço, ou existência da realidade, como no nosso mundo.

Embora o espaço espiritual tenha o seu próprio tempo, movimento, espaço e existência da realidade, eles são simplesmente denominados em analogia aos corporais. O tempo é o que chamamos de ações, que a pessoa realiza ao se transformar.

O resultado dessas ações, a mudança interior de uma pessoa e o seu deslocamento para o campo espiritual, é chamado de movimento. Ela se move neste campo de acordo com suas transformações, tornando-se cada vez mais semelhante a este campo e se aproximando do seu centro.

O lugar é a sua disposição no mesmo campo. Ela sempre existe num ponto do seu equilíbrio com o campo, como uma carga num campo magnético ou elétrico.

Os ciclos, que ela percorre sequencialmente, aproximando-se do seu centro e realizando mudanças internas em si mesma, são chamados mundos.